Nossos alunos e as redes sociais

Esse tema é bastante importante e polêmico, por isso precisamos fazer uma reflexão mais aprofundada.

Por exemplo, para que serve um aplicativo como o Whatsapp para crianças de 10, 11, 12, 13 anos? Que tipo de conversas acontecem nos grupo que eles formam? Quem cuida dessa atividade? Ou não precisamos nos preocupar?
E o Facebook, Instagram e tantas outras?

Será que é certo “liberarmos” essas ferramentas para os pré-adolescentes, que ainda não sabem muito bem o que significa autonomia? Que interação eles estão tendo? Quais são os perigos?

O fenômeno, certamente, não é de tão simples explicação, mas tem sido relativamente comum escutar de pais e mães de que os filhos não demonstram vontade de encontrar amigos no fim de semana ou fora da escola; lá por certa idade, muitos adolescentes parecem duvidar que são capazes de ter realmente uma experiência tão autêntica quanto a que seus pares parecem ter…preferem querer viver apenas no mundo virtual.

Temos também que ficar atentos, pois existem milhares de jovens (muitas vezes com idades inferiores a 10 ou 11 anos) que se expõem diariamente na Internet sem quaisquer cuidados.

Quais de vocês, pais, sabem o que se passa nas conversas de whatsapp, ou do facebook de seu filho? Garanto que é de arrepiar os cabelos! Ou vamos todos acreditar que eles estão trocando mensagens de auto ajuda, imagens lindas de bom dia, textos reflexivos sobre a vida, sobre o amor, sobre as relações, corações e flores?

Pesquisas mostram que nos grupos de whatsapp de crianças de 12 anos há compartilhamento e produção de material pornográfico. Isso quer dizer que eles trocam mensagens com conteúdos pornográficos desde cedo. Afinal, o acesso à internet é ilimitado e eles têm passagem livre para onde quiserem com seus 3G, 4G. Vamos lembrar que a adolescência é a fase das descobertas, das investigações. E onde será que eles as farão?
Perdemos a noção do que é adequado para cada faixa etária? Ou essa classificação não faz mais sentido?

Precisamos refletir tudo isso. Precisamos conversar mais sobre essas novidades e deixar claro nossas posições.

Vamos ficar atentos!

Emancipação Política de Alagoas

DIA 16 DE SETEMBRO COMEMORAMOS A EMANCIPAÇÃO POLÍTICA DE ALAGOAS.

A emancipação política aconteceu em 1817, quando a comarca foi elevada à condição de capitania.
Em 1839 a sede do governo foi transferida da antiga cidade de Alagoas (hoje Marechal Deodoro) para Maceió.

Diretamente e indiretamente, mesmo sendo um dos menores Estados do País, Alagoas, teve grande influência para mudar os rumos da história. Os dois primeiros “comandantes” da República são alagoanos: Deodoro da Fonseca e Floriano Peixoto.

O que você vai ser quando crescer?

O ser humano se depara com várias dúvidas no decorrer de sua existência. São muitas as escolhas cruciais que precisam ser feitas, entre elas “O que você vai ser quando crescer? ”. A escola tem papel fundamental ajudando os alunos no desdobramento desse processo.

O adolescente, inquieto entre os seus 15 e 18 anos, muitas vezes, após o término do Ensino Médio, não consegue definir qual é a sua vocação profissional. A reflexão para conhecer a sua disposição natural e assegurar-se de suas habilidades, suas preferências, seus desejos e até o seu estilo de vida faz parte do processo do autoconhecimento e, por sua vez, do amadurecimento para a escolha profissional. A questão é como enfrentar essa situação.

É aí que entra o papel da escola, ajudando-o a tirar dúvidas, mostrar novas perspectivas, e principalmente discutir suas escolhas. O trabalho da Escola é essencial para a construção do futuro de seus alunos.



+55 82 3320-1200
contato@expocolegio.com.br
Rua Areny Tenório Maia, 6 – Feitosa
Maceió – AL






Desenvolvido por DIG LINK marketing digital